FARMACOS ANTIARRITMICOS PDF

.

Author:Maukora Meztilkis
Country:Argentina
Language:English (Spanish)
Genre:Marketing
Published (Last):13 July 2015
Pages:317
PDF File Size:17.29 Mb
ePub File Size:14.61 Mb
ISBN:396-2-91839-248-4
Downloads:63125
Price:Free* [*Free Regsitration Required]
Uploader:Akinojin



Flutter Atrial: uma arritmia causada por circuitos eltricos de conduo lent que se originam nos trios e promovem um ritmo rpido e regular do corao. Taquicardia por reentrada nodal TRN : uma via eltrica extra, prxima ao n trio-ventricular, que faz com que o impulso eltrico mova-se em crculo e pas por reas que j passou anteriormente, fazendo o corao bater numa freqncia bem acima do normal.

Taquicardia por via acessria ou sndrome de Wolff-Parkinson-White: via eltrica extra que existe desde o nascimento e conecta os trios aos ventrculo fazendo com que o impulso eltrico chegue mais rpido ao ventrculo.

Fibrilao atrial: impulsos eltricos extras originados nos trios que desencadeiam batimentos rpidos, desorganizados e irregulares. Extra-sstole ventricular: impulso eltrico extra originado no ventrculo que promove batimento antes do tempo. Taquicardia Ventricular: impulso eltrico originado nos ventrculos que promove um ritmo rpido e potencialmente ameaador da vida.

Geralmente, uma emergncia mdica. Objetivo Abordar e descrever os frmacos antiarrtmicos, bem como mecanismo de ao, uso teraputico, farmacocintica e efeitos adversos. Metodologia: Para elaborao deste trabalho foram realizadas buscas em livros da biblioteca pertencente Faculdade Estcio de S e posteriormente discusso em grupo para realizao dos resultados. Quinidina A quinidina o frmaco prottipo da classe IA.

Em doses elevadas pode precipitar arritmias, as quais podem levar a fibrilaao ventricular fatal. Em razo desta toxicidade est perdendo seu lugar para os antagonistas do canal de clcio, como o verapamil. Mecanismo de ao: a quinidina liga-se aos canais de sdio abertos e inativados e impede o influxo de sdio, diminuindo dessa forma, o rpido desencadeamento da Fase 0 e tambm diminui a inclinao de despolarizao espontnea da Fase 4. Aes: inibe as arritmias ectpicas e ventriculares causadas pelo automatismo normalmente aumentado.

Farmacocintica: rpida e quase totalmente absorvida aps administrao oral. Usos teraputicos: usada no tratamento de ampla variedade de arritmias, incluindo atrial, a juncional AV e as taquiarrtmias ventriculares.

Efeitos adversos: exacerbao da arritmia. Pode causar bloqueio SA ou AV, ou assistolia. Em nveis txicos pode induzir a taquicardia ventricular. So comumente observados nuseas, vmitos e diarria.

BUSINESS LAW FOR MANAGERS P K GOEL PDF

Clasificación de antiarrítmicos

.

EXUBERANCIA IRRACIONAL PDF

¿Qué son los betabloqueantes?

.

COMPUESTOS BINARIOS TERNARIOS Y CUATERNARIOS PDF

Los fármacos Antiarritmicos

.

Related Articles